Texto perdido sobre a insônia.

Ter insônia é habitar o inferno e não ter a opção de abraçar o capeta, porque no momento, ele também está dormindo.

Sobre a insônia:

São 3 da manhã e os olhos sentem o cansaço de três mil anos. São três mil anos de guerra. De uma luta que não acaba quando os olhos se fecham, apenas recomeça.

Não se sabe ainda se o órgão causador da insônia é o cérebro, que faz brotar pensamentos ou o coração que faz birra dizendo que embora o relógio e o corpo acuse hora de descansar, ele já não sabe como fazer isso.

No auge do desespero de minha insônia, constatando que não vou mesmo conseguir dormir, penso em qualquer coisa que a valha. Como os místicos dizem com a certeza mais otimista “nada é por acaso”. Penso então em escrever algumas linhas sobre o momento, para que ele não passe simplesmente, deixando o mais imprudente dos arrependimentos – o arrependimento das coisas que não fizemos, por teimosia do corpo. Dormir.

Eis que aí encontro algo para chamar de motivo a mais uma dessas noites inquietas: é que na minha própria insônia, que é o meu espanto, encontro mais espanto. E encontro espanto dentro mesmo do meu ato de ter espanto.

Eu ambiciono nesta noite que minha insônia tenha um porquê, algo que a torne valiosa, uma surpresa, um bom texto. Mas não penso que tudo isso será igualmente inútil à vida pós-insônia.

É que vejo agora, que esta noite só tive insônia porque antes mesmo de tentar dormir, desejei muito e de forma inconsciente que ao despertar, o dia trouxesse algo que me valesse à vida. Ou pelo menos um bom assunto para escrever.

E nessa ansiedade, falhei a ponto de não saber existir só nela, mas precisei quebra-la em partículas iguais, da mesma expectativa e da mesma decepção.

Termino algumas vidas mais sábia esses rabiscos a que chamo de texto, somente pela minha humildade de compactar minha existência e tornar menor meu próprio espanto. Pois este texto, mesmo tendo sido de muito pouco valor e importância, nasceu e concretizou-se até o fim. A vida amanhã será da mesma forma. E só acontecerá.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s